Reforma dá certo: diminuem os processos na Justiça Trabalhista

Reportagem da “Folha” revela que apenas seis meses após a sanção da reforma trabalhista, os litígios na Justiça do Trabalho diminuíram 6,4% em fevereiro, a primeira queda deste indicador nos últimos cinco anos. De acordo com o jornal, o chamado estoque de processos (volume de litígios à espera de solução) nas Varas do Trabalho de todo o país registrou a primeira queda , e desde que a série histórica está disponível nos relatórios do Tribunal Superior do Trabalho, o volume de processos somente crescia.

Essa é uma boa notícia que confirma o sucesso da reforma trabalhista, tão combatida pelos partidos de esquerda. Além do desemprego estar refluindo (lentamente, é verdade), a diminuição dos processos na Justiça Trabalhista representa um alívio principalmente para quem emprega, para quem produz e gera emprego. A indústria dos processos desvirtuou por completo o papel da Justiça Trabalhista, e os empregadores são os maiores prejudicados pelo excesso de processos. Que a reforma continue causando a redução ainda mais acentuada das causas, e que haja mais racionalidade dos juízes do trabalho na concessão de sentenças condenando quem gera emprego.

Deixe uma Resposta