Marcelo Odebrecht entrega tudo

O site “O Antagonista” furou mais uma vez toda a grande imprensa brasileira, ao dar, em primeira mão, os detalhes do depoimento do empreiteiro Marcelo Odebrecht ao juiz Sérgio Moro, na tarde de hoje. O site foi o primeiro a revelar que o ex-presidente Lula era conhecido como o “amigo” na planilha do famoso “Departamento de Propina” da construtora. Lula chegou a processar um delegado da Polícia Federal que disse que ele era o “amigo”, mas hoje, o próprio Marcelo Odebrecht confirmou ao juiz Moro que Lula era o verdadeiro “amigo”.

O furo do “Antagonista” foi além: o site mostrou o detalhamento dos milhões que a Odebrecht repassou ao ex-presidente. De acordo com o site, R$ 4 milhões saíram do “departamento de propina” para o Instituto Lula. Outros 12 milhões foram destinados para comprar o prédio do mesmo Instituto. Mais uma fornada de R$ 13 milhões foram sacados pelo operador Branislav Kontic, e foram entregues ao próprio ex-presidente, entre 2012 e 2013. E Marcelo ainda falou dos R$ 50 milhões em propinas que Guido Mantega coletou para a campanha de Dilma Rousseff.

Com o depoimento de Marcelo Odebrecht, o juiz Sérgio Moro já está com a faca e o queijo em mãos para enfim prender o chefão da organização criminosa que desviou bilhões dos cofres públicos.

4 Comentários

  • CLEBER AUGUSTO SILVA

    abril 10, 04 2017 07:55:00

    Roberto Jefferson a Lava Jato nos salvou do Socialismo. O Estado tem que se preocupar com a Educação Básica e a Segurança Pública, garantir o direito a propriedade privado e as liberdades individuais. Acabar com TSE, Justiça do Trabalho, etc….
    Privatizar tudo inclusive as Universidades Federais. A solução é diminuir o tamanho do Estado. O setor privado não aguenta uma carga tributária deste tamanho.
    O Brasil precisa enaltecer os pequenos empresários que sofrem com a burocracia e estas malditas agências reguladoras que defendem grandes grupos econômicos e seus lobistas.

  • CLEBER AUGUSTO SILVA

    abril 10, 04 2017 07:56:47

    Correção: propriedade privada.

  • Luis Gustavo

    abril 11, 04 2017 07:41:33

    Me explica uma coisa, Jefferson. Os principais investigados, com provas concretas, não são do PT. Eduardo Cunha, o principal político apanhado e preso até agora, era inimigo do PT. Os principais acusados , além de Cunha, são políticos do PMDB, PP, DEM e PSDB. Aí estão Aécio, Serra, Renan Calheiros, Jucá, Moreira Franco, Padilha, Barbalho, Sergio Cabral, e tantos outros. Por que então essa sua fixação em LULA e no PT?

  • Luis Gustavo

    abril 11, 04 2017 07:58:17

    Hoje saiu a “Lista do Fachin” de delatados pela Odebrecht. Tem conhecidos tucanos como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o gov de SP Alkmin, Serra, Aécio, o Ministro das Relações Exteriores (tucano vice do Aécio), e mais oito ministros de Temer. Tem o presidente da Câmara Rodrigo Maia, o presidente do Senado, e os principais políticos do PMDB, PSDB, DEM, PPS e PP. Mas você só consegue ver corrupção no PT, não é Jefferson?

Deixe uma Resposta