Conversa pra boi dormir

Como se já não bastassem as delações de vários operadores do petrolão afirmando que Lula tinha conhecimento do esquema criminoso na estatal, hoje ficamos sabendo que ele recebeu sim alertas, ainda no exercício do mandato, de suspeitas de ilícitos na companhia, informa “O Globo”.

Em 2009, o Congresso listou 24 projetos que não poderiam ser incluídos no Orçamento da União de 2010 “por terem sido flagradas com indícios de graves irregularidades em auditorias do Tribunal de Contas da União”, em sua maioria por preço muito acima do orçado pela estatal.

Na lista constavam a Refinaria Abreu e Lima, o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) e a Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), todas investigadas na Lava Jato devido ao surrupio de bilhões de reais.

Na época, Lula liberou as obras, e agora se sabe o motivo por que o fez.

Além de culpar dona Marisa das decisões sobre o tríplex do Guarujá, o “homem mais honesto do Brasil” disse em depoimento ao juiz Sérgio Moro que, se “um dos 204 milhões de brasileiros chegasse ao presidente da República [ele na época] e dissesse ‘tem um esquema de propina na Petrobras’, seria mandada embora a diretoria inteira da Petrobras”.

Balela.

Assim como o PT usou e abusou de falsos discursos para manipular eleitores, atualmente Lula repete à exaustão a mentira de que delatores são forçados ou ameaçados por investigadores para acusá-lo sem provas, logo ele, vítima de uma “caçada jurídica” para não ser candidato à presidência da República em 2018 (e ficar impune).

E se agarram à exigência de “provas” como se os brasileiros e a Justiça fossem idiotas.

De Dilma Rousseff, a sabichona que tinha não só conhecimento de todo o esquema criminoso na Petrobras, que pagava seu estrelado cabeleireiro com o dinheiro do contribuinte e usava codinomes (“Iolanda”) como nos tempos da ditadura para esconder ilicitudes, ainda vamos ouvir muitas histórias, quem sabe a pá de cal pra petista nenhum produzir ilusionismos.

Especulando, quem sabe uma mansão milionária em algum recanto deste imenso Brasil?

 

 

 

 

Deixe uma Resposta